A geração dos bancos de madeira

14,00

Narrado na primeira pessoa, A geração dos bancos de madeira conta a história de uma menina de doze anos que escreve uma composição para a escola dedicada aos avós, figuras muito presentes no seu crescimento. No desenrolar do livro que começa assim: “Tinha onze anos quando deixei de me sentar em bancos de madeira”, percebemos que a personagem principal perdeu o avô recentemente. Viajamos nas memórias que tem dele, com a ajuda de amigos imaginários, em busca de formas de o homenagear.

É uma história dedicada a todos os netos e netas dos avós memória, na esperança de os reencontrarmos nas coisas mais simples como em bancos de madeira com tranças em palha.

Editora: Truz Truz
Autor: Sara Brandão
Ilustrador: Luísa Coelho
ISBN: 9789893311202
PVP 14.00